Receita Conjunto de Crochê Confete com Fio Dandara

Por Bazar Horizonte 3 semanas atrásNenhum comentário
Home  /  Receitas de Crochê  /  Receita Conjunto de Crochê Confete com Fio Dandara

Material Utilizado:

Fio Dandara, 6 novelos na cor confeti tweed 3384
Agulhas de Crochê Utilizadas: nº5 e 6mm para saia, e nº 5 para suéter
Tesoura
Fita Métrica
Agulha de tapeçaria
Marcadores

Veja todos os fios da Coleção 2022 da Pingouin

Veja outras receitas sobre Conjunto de Crochê que vão te inspirar ainda mais.

 

NÍVEL DE DIFICULDADE

Médio

 

PONTOS EMPREGADOS E ABREVIATURAS
Corrente – Corr.
Carreira – Carr.
Carreira Anterior – ca.
Ponto baixo – pb.
Ponto baixíssimo – pbx.
Ponto baixo alongado – pba.

MEDIDAS
– Essa peça veste um tamanho 38/M.
– Para aumentar ou diminuir a peça, faça 5 carr a mais ou a menos de ponto canelado no início do trabalho.
– Você também pode trabalhar as carreiras de ponto canelado medindo sua cintura ou de acordo com a medida da sua cliente.

EXECUÇÃO

SAIA
– Comece com o ponto canelado: (Agulha nº 5mm)
– Faça 9 corr. iniciais. Carr inteira de pb. iniciando o 1º ponto na 3ª corr. a contar da agulha. Total de 8 pontos. Vire o trabalho.
– As próximas carr serão todas em pb. trabalhadas apenas na 2ª alça da corrdo ponto para fazer o efeito sanfona do ponto canelado. Para o tamanho M/38 trabalhe 80 carreiras ou os centímetros que precisar.

– A partir da 2ª carr trabalhe os pontos na 2ª alça da corr.

-Ao finalizar o trabalho de ponto canelado, costure as duas pontas com pbx para iniciar po trabalho circular. Em seguida, faça 2 corr.

-Ao finalizar o trabalho de ponto canelado, costure as duas pontas com pbx para iniciar po trabalho circular. Em seguida, faça 2 corr. -Ao finalizar o trabalho em ponto canelado, inicie o comprimento da saia utilizando pba.

No trabalho circular:
1ª carr: Faça 1 pba. para cada carr. feita no ponto canelado (80 pba.). Feche a carr. com pbx. Vire o trabalho para iniciar a próxima carr.
DICA: Mesmo sendo um trabalho circular fechando no pbx, vire o trabalho para iniciar cada carreira, assim você deixará a sua emenda reta e imperceptivel, bem como o desenho dos pontos com aspecto diferenciado.
– Troque para a agulha nº 6 mm.
2ª à 28ª carr: Trabalhe em pba. Fechando todas as carreiras em pbx. e virando o trabalho para iniciar toda próxima carr.
29ª carr: Inteira de pba. fazendo 4 aumentos (4 pontos com aumentos, ou seja, 2 pba. juntos em 4 pontos) distribuidos proporcionalmente na carr.
30ª e 31ª carr: Carreiras de pba.. Feche todas as carreiras em pbx. e vire o trabalho para iniciar toda próxima carr.

– Corte o fio, posicione a emenda nas costas para fazer a fenda da saia no lado da frente.
-Utilizando um marcador de ponto, marque a posição que você fará a fenda
(geralmente fica posicionada em alguma das pernas). Insira o fio no ponto marcado, faça 2 corr e inicie a carr de pba nos próximos pontos. Ao chegar no ponto marcado quando finalizar a carreira faça mais 1 pba nele (assim você fará aumento).

32ª e 36ª carr: Trabalhe em carreiras lineares de pba (carreiras de ida e volta sem fechar).
37ª carr: Inteira de pba fazendo 4 aumentos (4 pontos com aumentos, ou seja, 2 pba. juntos em 4 pontos) distribuídos proporcionalmente na carr.
– Ao finalizar a carreira faça pbx apenas em volta da fenda.
Corte o fio e arremate.

SUÉTER
OBS.: Essa peça veste um tamanho P. Para aumentar ou diminuir a peça siga as instruções em cada etapa (frente/ costas/ mangas).

Frente
P: Seguir a receita
M: Aumentar 5 carreiras na barra de ponto canelado. Você também pode trabalhar as carreiras de ponto canelado medindo no seu corpo ou de acordo com a medida da sua cliente.
G: Aumentar 10 carreiras na barra de ponto canelado. Você também pode trabalhar as carreiras de ponto canelado medindo no seu corpo ou de acordo com a medida da sua cliente.

Medidas das cavas
P: 20 cm/ M: 22 cm / G: 24 cm/ GG: 26 cm
– Aumente a medida da cava nas carreiras das mangas, costas e frentes que não levam diminuições.

EXECUÇÃO
– Próxima etapa em pba.
1ª carr: Faça 1 pba. para cada carr. feita no ponto canelado. (total de 44 pontos, aproximadamente 36 cm).
2ª carr: Inteira de pba fazendo 1 aumento (2 pba) nas duas pontas das carreiras (1º e último ponto).
3ª carr: Inteira de pba sem aumentar.
4ª carr: Inteira de pba fazendo 1 aumento (2 pba.) nas duas pontas das carreiras (1º e último ponto).
5ª carr: Inteira de pba sem aumentar.
6ª carr: Inteira de pba fazendo 1 aumento (2 pba.) nas duas pontas das carreiras (1º e último ponto).
– Total de 50 pontos após os aumentos.
– Comece com o ponto canelado.
– Faça 9 corr. iniciais. Carr inteira de pb iniciando o 1º ponto na 3ª corr. a contar da agulha. Total de 8 pontos.
Vire o trabalho.
– As próximas carreiras serão todas em pb trabalhadas apenas 2ª alça da corr do ponto para fazer o efeito sanfona do ponto canelado. Trabalhe por 44 carr.
7ª ao 16ª carr: Inteiras de pba sem aumento e sem diminuição.
17ª carr.- Início da cava (diminuição): Inicie o trabalho no 2º ponto com 1 pb. e 1 corr., em seguida trabalhe a carreira em pba e não faça o último ponto. Vire o trabalho.

18ª carr: Inteira de pba sem diminuir.
19ª carr (diminuição): Inteira de pba fazendo 1 diminuição nas duas pontas das carreiras (1º e último ponto), conforme a explicação na 17ª carr.

20ª carr: Inteira de pba sem diminuir.
21ª carr (diminuição): Inteira de pba fazendo 1 diminuição nas duas pontas das carreiras (1º e último ponto), conforme a explicação na 17ª carr
22ª carr: Inteira de pba sem diminuir.
23ª carr (diminuição): Inteira de pba fazendo 1 diminuição nas duas pontasdas carreiras (1º e último ponto), conforme a explicação na 17ª carr.
24ª carr: Inteira de pba. sem diminuir.
25ª carr (diminuição): Inteira de pba fazendo 1 diminuição nas duas pontas das carreiras (1º e último ponto), conforme a explicação na 17ª carr.
26ª carr: inteira de pba sem diminuir.
27ª carr (diminuição): Inteira de pba fazendo 1 diminuição nas duas pontas das carreiras (1º e último ponto), conforme a explicação na 17ª carr.
– Total de 38 pontos após os aumentos.
28ª à 32ª carr: Inteiras de pba sem aumento e sem diminuição.

PALA/OMBRO
Para finalizar trabalhe 8 pba. por 3 carr. em cada canto da peça (faça de um lado, corte o fio e faça do outro lado, para preparar a pala e a peça receber uma golo posteriormente.

COSTAS

Tamanhos
P: Seguir a receita.
M: Aumentar 5 carreiras na barra de ponto canelado. Você também pode trabalhar as carreiras de ponto canelado medindo no seu corpo ou de acordo com a medida da sua cliente.
G: Aumentar 10 carreiras na barra de ponto canelado. Você também pode trabalhar as carreiras de ponto canelado medindo no seu corpo ou de acordo com a medida da sua cliente.

Medidas das cavas
P: 20 cm/ M: 22 cm/ G: 24 cm/ GG: 26 centímetros
OBS.: Aumente a medida da cava nas carreiras das mangas, costas e frentes que não levam diminuições.
– Comece com o ponto canelado.
– Faça 9 corr. iniciais. Carreira inteira de pb. Iniciando o primeiro ponto na 3ª corr. a contar da agulha. Total de 8 pontos. Vire o trabalho.
– As próximas carreiras serão todas em pb. trabalhadas apenas 2ª alça da corrente do ponto para fazer o efeito sanfona do ponto canelado. Trabalhe por 50 carr.

Próxima etapa em pba.
1ª carr: Faça 1 pba. para cada carr. feita no ponto canelado. (total de 50 pontos, aproximadamente 42 centimetros).
2ª a 21ª carr: Inteiras de pba. sem aumento e sem diminuição.
22ª carr: Início da cava (diminuição): Inicie o trabalho no 2º ponto com 1 pb. e 1 corr., em seguida trabalhe a carrem pba. e não faça o último ponto. Vire o trabalho.
23ª carr: Inteira de pba. sem diminuir.
24ª carr (diminuição): Inteira de pba. fazendo 1 diminuição nas duas pontas das carreiras (1º e último ponto), conforme a explicação na carr. 22.
25ª carr: Inteira de pba. sem diminuir.
26ª carr (diminuição): Inteira de pba. fazendo 1 diminuição nas duas pontas dascarreiras (1º e último ponto), conforme a explicação na carr. 22.
27ª carr: Inteira de pba. sem diminuir.
28ª carr (diminuição): Inteira de pba. fazendo 1 diminuição nas duas pontas das carreiras (1º e último ponto), conforme a explicação na carr. 22.
29ª carr: Inteira de pba. sem diminuir.
30ª carr (diminuição): Inteira de pba. fazendo 1 diminuição nas duas pontas das carreiras (1º e último ponto), conforme a explicação na carr. 22.
31ª carr: Inteira de pba. sem diminuir.
32ª carr (diminuição): Inteira de pba. fazendo 1 diminuição nas duas pontas das carreiras (1º e último ponto), conforme a explicação na carr. 22.
33ª à 37ª carr: Inteiras de pba. sem aumento e sem diminuição.

PALA/OMBRO
Para finalizar, trabalhe 8 pba. por 3 carr em cada canto da peça: faça de um lado, corte o fio e faça do outro lado, para preparar a pala e a peça receber uma golo posteriormente.

MANGAS
Faça duas peças iguais:

Tamanhos
P: Seguir a receita.
M: Aumentar 5 carr na barra de ponto canelado. Você também pode trabalhar as carreiras de ponto canelado medindo no seu punho ou no punho da sua cliente.
G: Aumentar 10 carr na barra de ponto canelado. Você também pode trabalhar as carreiras de ponto canelado medindo no seu punho ou no punho da sua cliente.

ATENÇÃO: As mesmas quantidades de carreiras que forem aumentadas (nos tamanhos M, G e GG) para as cavas na frente e costas do suéter deverão ser aumentadas nas mangas.
– Aumente a medida da cava nas carreiras da manga que não levam diminuições.
– As mangas são feitas separadas do suéter e depois costuradas com agulha de tapeçaria e pbx.
– Faça 9 corr. iniciais. Carreira inteira de pb. Iniciando o 1º ponto na 3ª corr a contar da agulha. Total de 8 pontos. Vire o trabalho.
– As próximas carreiras serão todas em pb. trabalhadas apenas 2ª alça da corr do ponto para fazer o efeito sanfona do ponto canelado. Trabalhe por 25 carr.
1ª carr: Faça 1 pba. para cada carr. feita no ponto canelado. (total de 25 pontos).
2ª a 8ª carr: Inteiras de pba. sem aumento e sem diminuição.
9ª carr: Inteira de pba fazendo 1 aumento (2 pba.) nas duas pontas das carreiras (1º e último ponto).
10ª a 13ª carr: Inteiras de pba sem aumentar.
14ª carr: Inteira de pba fazendo 1 aumento (2 pba.) nas duas pontas das carreiras (1º e último ponto).
15ª a 18ª carr: Inteiras de pba. sem aumentar.
19ª carr: Inteira de pba. fazendo 1 aumento (2 pba.) nas duas pontas das carreiras (1º e último ponto).
20ª a 34ª carr: Inteira de pba. sem aumentar.
Início das diminuições
– Para fazer o detalhe diferenciado nas mangas do suéter, vamos começar a “afunilar” as pontas com diminuições. 35ª carr: Diminua 5 pontos no início andando com pbx. Em seguida, no 6º ponto, faça 1 pb e depois 1 corr. Trabalhe a carr em pba e não trabalhe os últimos 5 pontos. Vire o trabalho

36ª a 52ª carr: Inteira de pba sem diminuir.

53ª a 60ª carr: Essas últimas 8 carr serão todas diminuidas nas duas pontas.
Inicie as carreiras no 2º ponto com 1 pb e 1 corr., em seguida trabalhe a carreira em pba e não faça o último ponto. Vire o trabalho para iniciar as carreiras.

COSTURA/ MONTAGEM DO SUÉTER
-Primeiramente costure os ombros com pbx (com as peças no avesso costure um lado, corte o fio e depois costure o outro lado).

– Com os ombros costurados e a peça no avesso, prenda a manga com marcador de ponto desde o inÍcio da cava (embaixo do braço) até a carr Nº 37 contando de baixo para cima, da frente e costas. Prenda os dois dados da manga.

– Deixe a ponta da manga que foi diminuída sem prender. Ela fica localizada no ombro onde será feito o franzido.

– Com uma agulha de tapeçaria, costure normalmente a parte marcada iniciando debaixo.

-Após costurar toda a parte marcada, comece a costurar deixando um acumulo de crochê na agulha para fazer o franzido do ombro. Faça assim até fazer o franzido em volta de todo o ombro da peça e chegar até a marcação do outro lado da manga. Ao chegar na marcação do outro lado costure normalmente sem franzir.

– Por último, costure as laterais da peça e as mangas com agulha de tapeçaria ou pbx.

GOLA
– Insira o fio na peça e faça uma carreira de pb ao redor da abertura da gola, 1 pb para cada ponto da carr anterior.
– Trabalhe 4 diminuições distribuídas proporcionalmente pela carreira. Feche a carreira com pbx.

Diminuição: Insira a agulha apenas na 1ª alça de 2 pontos, lace o fio e tire ficando com 2 fios na agulha, em seguida lace o fio e tira tudo.

– Faça 9 corr iniciais. Carr inteira de pb Iniciando o 1º ponto na 3ª corr. contar da agulha. Total de 8 pontos.

– Ao chegar na base da gola (na carr de pb. já feita), pule 1 ponto e no eguinte prenda o trabalho com pbx. Vire o trabalho, faça 1 corr e volte rabalhando apenas na 2ª alça das corrdos pontos para fazer o efeito anfona do ponto canelado.

– Seguir nesse processo por toda a gola, trabalhando somente na 2ª lça das corr dos pontos, virando o trabalho quando chegar na ponta e fora da gola e prendendo o trabalho na base de dentro com pbx.
Atenção: Pule 1 ponto e prenda, pule 1 ponto e prenda, para não acumular carreiras.

– Ao finalizar, prenda com pbx e pelo lado de dentro (avesso) costure s dois lados com pbx.

– Finalize a peça com o arremate dos fios utilizando a agulha de tapeçaria.

POR SIMONE DO @SIMONEGUERREIROO

Categoria:
  Receitas de Crochê
bazarhorizonte.com.br
esse texto foi compartilhado 0 vezes
 100
Sobre

 Bazar Horizonte

  (3966 artigos)

O Bazar e Papelaria Horizonte LTDA é uma tradicional loja de artigos para artesanato, papelaria e informática de São Paulo. Fundado em 1980, a empresa conta com duas unidades na cidade de São Paulo, atuando também no comércio eletrônico, representado pelo www.bazarhorizonte.com.br.

Comente

Your email address will not be published.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com