9813-trico-curso-faap-550x366

Tricô é uma arte que amamos. Trata-se de uma técnica para entrelaçar os fios de uma forma específica para que assim seja criado um pano com uma textura e elasticidade única, se diferenciando assim dos outros tecidos. Essa técnica pode ser feita manualmente, ou até mesmo por máquinas que facilitam o trabalho. O trabalho manual consiste em entrelaçar os fios utilizando duas agulhas, que, além disso, abrigam a malha de tricô já tecida. Alguns utilizam como hobby, outros como terapia e muitos utilizam como profissão mesmo sendo muito difícil. Pensando nessa dificuldade de levar o Tricô como profissão estamos postando cada vez mais dicas  sobre o assunto para ajudar e incentivar ao máximo nossos amigos artesãos.

Você achou estranho quando citamos “Terapia” ? Pois é, e funciona muito bem. Laurence Gonzales, autor de Surviving Survival: The Art And Science Of Resilience, estudou como as pessoas sobrevivem a desastres, doenças e sofrimentos. Para ele, a prática de atividades repetitivas e simples – como tricô, arrumar o jardim e correr – podem ajudar pessoas a sobreviverem.

O que interessa é fazer com que seu cérebro e corpo se empenhem em uma tarefa simples e repetitiva. Assim, se sente mais calmo e sob controle. E com certeza o Tricô mantém a sua mente trabalhando, desviando assim de pensamentos ruins, além da satisfação de criar algo que é uma sensação única e te deixa muito feliz e orgulhoso com o trabalho. E isso não serve somente para pessoas da Melhor Idade, hoje em dia homens e mulheres das mais diversas faixas etárias estão se dedicando ao Tricô. Levantamos a bandeira de não rotular nossos artesãos!

Você sabe como e onde foi inventado o Tricô? Encontramos essa história na WikiPedia:

“A técnica nasceu provavelmente no Egito onde o entrelaçamento era feito com a ajuda de ossos ou madeira. Os belgas levaram a técnica aos ingleses onde as mulheres a desenvolveram para produzir meias e cachecóis que protegessem seus maridos e filhos no inverno. Usavam fios de lã pura que elas mesmas produziam. Por isso até hoje o tricô está relacionado ao inverno, o que a tecnologia reinventou, levando-a também para as malhas de verão através de fios leves e apropriados. A mortalha tecida por Penélope para poder ser desfeita só poderia ser feita em tricô, visto que ela a desfazia a noite para ganhar mais prazo para espera do seu amado Odisseu (A malha permite o descampionamento que é jeito ligeiro de desfazer um tecido de malha o outro processo de tecimento não possuem nada semelhante)”

Ficou Curioso(a) para saber como faz tricô? Temos diversas Receitas de Tricô para você ir treinando na sessão Receitas Tricô.

Referências: WikiPedia e Círculo

 

 

Ebook 5 Receitas

Receba direto no seu email um eBook com 5 receitas surpreendentes.
Email
Nome
Cadastro 100% Seguro ;)